How to Reduce Motorcycle Theft in Parking at a Manaus Shopping?

Main Article Content

Jonas Gomes da Silva
Caroline Sousa de Oliveira
David Barbosa de Alencar

Abstract

According to a survey conducted by the Brazilian Association of Shopping Centers in 2016, every nine days, a mall is robbed in Brazil. Faced with this scenario, shopping malls are increasingly concerned with customer safety, as they sell to consumers the idea of safety, convenience and comfort. In mall X, located in one of the busiest Manaus (Amazon capital in Brazil) city avenues, it was found that expenses with robberies and theft reimbursement in parking areas increased considerably in 2015. Thus, this article aims to propose low cost actions to reduce robberies and theft in the parking areas of this mall with the highest incidence of claims. Data were collected through spreadsheets and reports from the Customer Service System (CSS) and the outsourced contractor to operate the parking service. After data collection and analysis, it was concluded that motorcycle parking is the part of parking most affected by the problem, and possible solutions such as control by labels and helmet locks are suggested, and it is up to the mall managers to choose which of the improvement proposals are more feasible.

Downloads

Download data is not yet available.

Article Details

How to Cite
Gomes da Silva, J., Sousa de Oliveira, C., & Barbosa de Alencar, D. (2019). How to Reduce Motorcycle Theft in Parking at a Manaus Shopping?. International Journal for Innovation Education and Research, 7(11), 1139-1163. https://doi.org/10.31686/ijier.Vol7.Iss11.1978
Section
Articles

References

[1] ABRASCE. Associação de Shopping Centers. Disponível em: . Acessado em 17 de dezembro de 2016.
[2] ANSI, 2016. List of Standards Organizations Providing Standards Incorporated by Reference. 2016 American National Standards Institute (ANSI). Disponível em . Acessado em 9 de Março de 2017
[3] Anuário de Segurança Pública, SSP. Disponível em: < http://www.ssp.am.gov.br/>. Acesso em 18 de dezembro de 2016.
[4] Blog GPN. As 7 ferramentas da qualidade, Disponível em < http://bloggpn.blogspot.com.br/2011/11/as-7-sete-ferramentas-da-qualidade.html>. Acessado em 15 de dezembro de 2016.
[5] CAMPOS, V. F. Gerenciamento da Rotina de Trabalho do Dia-a-dia. Belo Horizonte: Fundação Christiano Ottoni, Universidade Federal de Minas Gerais, 1994.
[6] CANDIDIO, Sandro. Solução de Problemas com o uso do PDCA e das ferramentas da qualidade. Atlas. 2009.
[7] IBGE. Censo 2010. Disponível em < http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/>. Acesso em 17 de dezembro de 2016.
[18] CHANG, J.I; LIN, C.C. A study of storage tank acidentes. Journal of Loss Prevention in the Process Industries. V. 9, Issue 1, January, 2006, pages 51-59
[19] CHIAVENATO, I. Administração dos Novos Tempos. Rio de Janeiro: Campus, 1999.
[20] CORRÊA, H. L.; CORRÊA. C. A; Administração da Produção e Operações – manufatura e serviços: uma abordagem estratégica. São Paulo. Atlas. 2007.
[21] Prevenção Online. Entendendo o Diagrama de Ishikawa. Disponível em < https://wandersonmonteiro.wordpress.com/2015/05/18/entendendo-o-diagrama-de-ishikawa/>. Acesso em: 15 de dezembro de 2016.
[22] MENDONÇA, S. Ferramentas de Gestão. Disponível em < http://pt.slideshare.net/SergioMendona/ferramentas-de-gestao>. Acesso em: 15 de dezembro de 2016.
[23] FIGUEIRÊDO, M. M.; RODRIGUEZ, V. B.; BARROS, M. J. O Consumidor come com os olhos: O Poder da Identidade Visual dos Restaurantes de Shopping. XXXIX Encontro da ANPAD. Belo Horizonte. 2015.
[24] GILBRETH, F.B; GILBRETH L.M. Process Chart. The American Society of Mechanical Engineers. New York. USA, 1921. Disponível em < https://archive.org/details/processcharts00gilb/page/n1>. Acessado em 03 de Novembro de 2019.
[25] GOLDSTINE, H. H, AND YON NEUMANN, JOHN. Planning and Coding Problems for an Electronic Computing Instrument, Vols I, II, III. Van Nostrand, Princeton, N.J., 1947, and 1948. Disponível em . Acessado em 03 de novembro de 2019.
[26] GRANFELT, S. A., Process Flow Documentation – a flowchart guide for micro & small business. Degree Thesis. Degree Program: International Business. p. 51. Arcada. 2017. Disponível em . Acessado em 15 de Novembro de 2019.
[27] ISO 1028:1973. Information processing – Flowchart symbols. Disponível em < https://www.iso.org/standard/5500.html>. Acessado em 03 de Novembro de 2019.
[28] ISO 5807:1985. Information processing – Documentation symbols and conventions for data, program and system flowcharts, program network charts and system resources charts. Disponível em < https://www.iso.org/standard/5500.html>. Acessado em 03 de Novembro de 2019.
[29] Mercado livre. Rotuladores. Disponível em: < http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-714834816-rotulador-pt80-brother-menor-preco-_JM#D[S:ADV,L:VQCATCORE_LST,V:1]>. Acesso em: 15 de dezembro de 2016.
[30] OGLOBO. G1. Manaus é a 23a na lista de cidades mais violentas do mundo, aponta NG Mexicana Consejo Ciudadano. Disponível em: < http://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2016/01/manaus-e-23-na-lista-de-cidades-mais-violentas-do-mundo-aponta-ong.html>. Acesso em 18 de dezembro de 2016.
[31] PILZ, D. M.; DOCKHORN, B. S.; GARLET, E.; POLACINSKI, E. Ferramentas da qualidade: uma aplicação em uma IES para desenvolvimento de artigos científicos. Semana Internacional das Engenharias da FAHOR. Faculdade Horizontina. 2005.
[32] PNUD, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Disponível em: < http://g1.globo.com/mundo/noticia/2013/11/brasil-tem-terceira-maior-taxa-de-roubos-da-america-latina-diz-pnud.html >. Acesso em: 20 de dezembro de 2016.
[33] RAMOS, A. W. CEP para processos contínuos e em bateladas. São Paulo. Fundação Vanzolini. 2000.
[34] TAGUE, N.R., 2005. The Quality Toolbox 2nd ed., ASQ Quality Press;
[35] Sistema de Gestão da Segurança e Saúde do Trabalho, COELCE. Disponível em:< http://slideplayer.com.br/slide/1249035/>. Acesso em: 15 de dezembro de 2016.
[36] TUBINO, Dalvio Ferrari. Planejamento e controle da produção: teoria e prática. São Paulo. Atlas. 2007.
[37] WERKEMA, Maria. Otimização Estatística de Processos: Como determinar a condição de operação de um processo que leva ao alcance de uma meta ou melhoria. Volume 10. Belo Horizonte. Fundação Cristiano Otoni. 2006.

Most read articles by the same author(s)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >>