Degrees of Risk of Environmental Impacts Arising from Irregular Occupations in the Northern Zone of Manaus - Amazonas

Main Article Content

Brena Karine Pires Gaspar
Fabiana Rocha Pinto
David Barbosa de Alencar
Gisele de Freitas Lopes

Abstract

The disordered urban growth in the city of Manaus has had serious consequences for the environment in recent years, especially towards the northern part of the city. It is extremely important to verify the environmental impacts caused by this situation, in order to define the priority areas for planning and recovery actions of the areas. Sixteen areas were identified during the study, which were divided into four quadrants to define their risk levels. The risk levels were I - low, II - medium, III - high and IV - very high. The first criterion for dividing the areas in the quadrants was to identify similar characteristics between them and the second, the proximity of the areas, considering, therefore, the size of the area, as well as the loss of vegetation cover, the state of the soil and the existence and quality of the areas. water resources near the occupied areas. It was found that the presence of streams is a decisive factor to increase the environmental risk of a occupied area, in which anthropic actions intensify natural processes. Another factor considered is related to the degree of erosive processes, therefore, the occurrence of gullies and ravines accounted for the increased risk. After accounting for recorded impacts, quadrant B, located in the Cidade de Deus neighborhood, has a high environmental risk, while quadrants C and D have medium risk. These three quadrants have streams in their areas, however, quadrant A, which has no water body, has a low degree of risk, although three of its four areas have gullies. From this analysis, it is possible to define mitigation and impact containment measures, allowing natural resources to be preserved for the well-being of everyone today and for years to come.

Downloads

Download data is not yet available.

Article Details

How to Cite
Pires Gaspar, B. K., Rocha Pinto, F., Barbosa de Alencar, D., & de Freitas Lopes, G. (2019). Degrees of Risk of Environmental Impacts Arising from Irregular Occupations in the Northern Zone of Manaus - Amazonas. International Journal for Innovation Education and Research, 7(11), 331-346. https://doi.org/10.31686/ijier.Vol7.Iss11.1887
Section
Articles

References

[1] BENTES, N. Manaus, realidade e contrastes sociais. 2ª ed. Manaus: Editora Valer, 2014.
[2] SOARES, J. A. S.; ALENCAR, L. D.; CAVALCANTE, L. P. S.; ALENCAR, L. D. (2014) Impactos da urbanização desordenada na saúde pública: leptospirose e infraestrutura urbana. Disponível em www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/polemica/article/view/9632/7672 Acesso em 20 de abril de 2019.
[3] GOVERNO DO AMAZONAS (2019). Relação geral dos conjuntos. Publicação da Superintendência de Habitação – SUHAB. Disponível em www.suhab.am.gov.br/acesso-a-informacao/relacao-geral-de-conjuntos-suhab/. Acesso em 19 de março de 2019.
[4] IBGE (2019). Sinopse por setores. Disponível em censo2010.ibge.gov.br/sinopseporsetores/? nivel=st Acesso em 24 de maio de 2019.
[5] SILVA, V.C.B.; MACHADO, P.D.S. SIG na análise ambiental: susceptibilidade erosiva da bacia hidrográfica do córrego mutuca, Nova Lima - MG. Disponível em periodicos.ufpe.br /revistas/revistageografia/article/viewFile/229090/23495 Acesso em 22 de abril de 2019.
[6] MORAES, C. D.; AQUINO, C. A. (2016). Avaliação de impacto ambiental: uma revisão da literatura sobre as principais metodologias. Disponível em labhidrogeo.paginas.ufsc.br/files/2016/08/AIA-UMA-REVISAO-DA-LITERATURA-SOBRE-AS-PRINCIPAIS-METODOLOGIAS.pdf Acesso em 09 de junho de 2019.
[7] CONAMA Nº 01/1986. Disposições sobre critérios básicos e diretrizes gerais sobre a avaliação de impactos ambientais. Disponível em: www.mma.gov.br/port/conama/legislacao /CONAMA_RES_CONS_1986_001.pdf . Acesso em 23 de março de 2019.
[8] SILVA, T. M. D.; CAMELLO, T. C. F.; ALMEIDA, J. R. D. (2015). Impactos Ambientais Hidrológicos ocasionados pelo desflorestamento metropolitano: Petrópolis, RJ. Disponível em www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/sustinere/article/view/17327/12845 Acesso em 22 de abril de 2019.
[9] SANTOS, T. V. D. (2017) Metropolização e diferenciações regionais: estruturas intraurbanas e metropolitanas em Belém e Manaus. Disponível em https://www.redalyc.org/pdf/ 4028/402853807009.pdf Acesso em 12 de outubro de 2019.
[10] SANTOS, A.C.F. dos (2018) Questão agrária, urbana, ambiental e serviço social o crescimento urbano e o programa social e ambiental dos igarapés de Manaus – PROSAMIM. Disponível em www.portaldepublicacoes.ufes.br/ABEPSS/article/view/22186/14694 Acesso em 17/10/2019.
[11] BRASIL (2012) Lei N° 12.651, de 25 de maio de 2012. Disponível em www.planalto. gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2012/Lei/L12651.htm Acesso em 25 de outubro de 2019.
[12] BATISTA, D.C.L. (2016). Impacto ambiental por ocupação em encostas urbanas: estudo de caso no bairro Gilberto Mestrinho Zona Leste de Manaus. Disponível em: tede.ufam.edu.br/bitstream/tede/5359/2/Disserta%c3%a7%c3%a3o%20%20Daiane%20C.%20L.%20 Batista.pdf Acesso em 22 de outubro de 2019.
[13] PAULINO, R.C. (2019) Desmatamento e plano diretor: um estudo multitemporal dos municípios da região metropolitana. Disponível em tede.ufam.edu.br/handle/tede/7337 Acesso em 25 de outubro de 2019.
[14] ARCE, P.A.; PENDLOSKI, C.J.S.; OLIVEIRA, R.B.; GALLARDO, A.L.C.F.; RUIZ, M.S. (2014) Conflitos socioambientais em unidades de conservação em áreas urbanas: o caso do Parque Tizo em São Paulo. Disponível em www.redalyc.org/pdf/4815/481547170007.pdf Acesso em 16 de outubro de 2019.
[15] SANTOS JUNIOR, A.B. dos (2017) Abordagem econômica na gestão de resíduos sólidos de igarapés urbanos de Manaus. Disponível em tede.ufam.edu.br/handle/tede/6850 Acesso em 25 de outubro de 2019.
[16] SOUZA FILHO, E.A. de; BATISTA, I.H. Levantamento de aspectos físico-químicos das águas da microbacia do Mindu – Manaus, Amazonas. Disponível em www.revistas.una.ac. cr/index.php/geografica/article/view/ 12006/16646. Acesso em 25 de outubro de 2019.
[17] FROTA FILHO, A.B. da; VIEIRA, A.F.S.G. (2017) Caracterização do processo de expansão urbana na bacia Colônia Antônio Aleixo e suas consequências no desenvolvimento de feições do tipo voçoroca, Manaus-AM. Disponível em ocs.ige.unicamp.br/ojs/sbgfa/article/view/1914. Acesso em 25 de outubro de 2019.
[18] SCHELEE, M.B. (2013) Ocupação de encostas urbanas: algumas considerações sobre resiliência e sustentabilidade. Disponível em www.redalyc.org/pdf/4028/402837816011.pdf Acesso em 22 de outubro de 2019.
[19] NASCIMENTO, M. de J. L.; DEUS, R.J.A. de; LEITE, J.C. Geomorfologia urbana por meio de plataforma SIG: monitoramento do processo erosivo acelerado (Voçoroca) no cemitério arqueológico indígena de Manaus. Disponível em XXX Acesso em 25 de out de 2019.
[20] BANDEIRA, A.P.N; NUNES, P.H. de S, LIMA, M.G. de S. Gerenciamento de riscos ambientais em municípios da região metropolitana do Cariri (Ceará). Disponível em www.redalyc.org/pdf/317/31749464006.pdf Acesso em 17 de outubro de 2019.

DB Error: Unknown column 'Array' in 'where clause'