Indicators To Evaluate Research Efficiency in Higher Education Institutions

Authors

DOI:

https://doi.org/10.31686/ijier.vol9.iss11.3470

Keywords:

Intellectual Capital, Collaboration Networks, Universities, Research

Abstract

The comparison of efficiency between Higher Education Institutions (HEIs) based on quantitative and absolute data, is it may not be the most honest way to establish efficiency levels. This study aims to propose indicators for evaluating efficiency in research to compose the management report of intangible assets in HEI. A search was performed in the SCOPUS bibliographic base to identify the intellectual production of the Federal University of Sergipe in the period from 1977 to 2019. The results demonstrate a positive trend in the growth of the volume of publications and that the intellectual production of the university is the result of its integration in national and international networks of scientific collaboration. A management report that aims to demonstrate the value of the university should accurately contemplate the intangible assets produced by it, which could be used as indicators of research efficiency. The disclosure of the value of intangible assets is a strategy to increase the value and credibility of the brand, but also a form of positive accountability to its maintainer and to society.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Liária Nunes-Silva , Universidade Federal de Sergipe

Post-Graduation Program in Intellectual Property Science - PPGPI; Teacher at the Federal Institute of Piauí

Alan Malacarne , Universidade Federal de Sergipe

Doctorate in Intellectual Property Sciences, Federal University of Sergipe

Robelius De-Bortoli, Universidade Federal de Sergipe

Department of Physical Education, Federal University of Sergipe

 

References

Agapito, A. P. F. (2016). Ensino Superior no Brasil: expansão e mercantilização na contemporaneidade. Temporalis, 16(32), 123-140. DOI: https://doi.org/10.22422/2238-1856.2016v16n32p123-140

Araújo, E. C. F., Siena, O., & Rodriguez, T. D. M. (2018). Receita própria no financiamento das universidades federais brasileiras. Anais dos Colóquios Internacionais sobre Gestão Universitária, Loja, Equador.

Araújo, B. C. (2012). Políticas de apoio à inovação no Brasil: uma análise de sua evolução recente. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA, Rio de Janeiro.

Araujo, F. Onyx Lorenzoni é criticado por declarações sobre UFS, publicado em 03/05/2019. Available in: f5news.com.br/politica/onyx-lorenzoni-e-criticado-por-declaracoes-sobre-ufs_55349/. Access on: 22 jun. 2019.

Arranz, N. M. F., Arroyabe, J. C., & Fernandez de Arroyabe. (2020). Network Embeddedness in Exploration and Exploitation of Joint R&D Projects: A Structural Approach. British Journal of Management, 31, 421-437. DOI: https://doi.org/10.1111/1467-8551.12338

Barreira, C. R. A., & Conde, E. (2016). A psicologia do esporte na ANPEPP: um inédito grupo de trabalho inaugura sua participação. Revista Brasileira de Psicologia do Esporte, 6(2), 1-12. DOI: https://doi.org/10.31501/rbpe.v6i2.7091

Brasil. (2007). Decreto nº 6.096, de 24 de abril de 2007. Institui o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais-REUNI. Brasília, Diário Oficial da União.

Brasil. (2008). Portaria n°582, de 14 de maio de 2008. Brasília, Diário Oficial da União, seção 1, 19. Available in: https://ufsj.edu.br/portal-repositorio/File/PPGENF/Concessao_das_bolsas_de_Pos-Graduacao_do_Programa_REUNI.pdf. Access on: 12 out. 2019.

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). (2018). Portaria nº 206, de 4 de setembro de 2018. Dispõe sobre obrigatoriedade de citação da CAPES. Available in: http://capes.gov.br/CECOL/Portaria_CAPES_DOU_206_de_2018.pdf. Access on: 12 abr. 2020. Acesso em: 12 de out. 2019

Conselho Federal de Contabilidade (CFC). (2017). Norma Brasileira de Contabilidade, NBC, TSP 08 - ativo intangível. Available in: http://www1.cfc.org.br/sisweb/SRE/docs/NBCTSP08.pdf. Access on: 10 abr. 2020.

Córcoles, Y. R., & Ponce, A. T. (2013). Cost–benefit analysis of intellectual capital disclosure: University stakeholders’view. Revista de Contabilidad - Spanish Accounting Review, 16(2), 106–117. DOI: https://doi.org/10.1016/j.rcsar.2013.07.001

Chaves, V. L. J., Reis, L. F., & Guimarães, A. R. (2018). Dívida pública e financiamento da educação superior no Brasil. Acta Scientiarum Education, 40(1), 1-12. DOI: https://doi.org/10.4025/actascieduc.v40i1.37668

Coelho Neves, B., Souza Couto, E., & Couto Cunha, M. (2015). Fundamentos e agenda da inclusão digital no Brasil: pesquisas em Educação. Educação, 38(3), 379-386. DOI: https://doi.org/10.15448/1981-2582.2015.3.21782

Craveiro, F. M. L. (2018). Acreditação no Ensino Superior: um estudo sobre a Universidade de Coimbra. Dissertação (Mestrado em Administração Público-Privada apresentado à Faculdade de Direito). Universidade de Coimbra, Coimbra.

Cunha, J. L. V. (2018). Proposição de uma estrutura de indicadores para apoiar a gestão dos ativos intangíveis de capital intelectual em IFES. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Escola de Engenharia. Rio Grande do Sul, 2018.

Dias, T. M. R., & Moita, G. F. (2018). Um retrato da produção científica brasileira baseado em dados da plataforma lattes. Brazilian Journal of Information Science: research trends, 12(4), 62-74. DOI: https://doi.org/10.36311/1981-1640.2018.v12n4.08.p62

Dias, M. A. H. (2015). Proposta de Modelo para Avaliação do Capital Intelectual na Administração Pública: O Caso no PROANTAR. Tese de Doutorado em Engenharia e Gestão do Conhecimento. UFSC. Florianópolis, 2015.

Domingues, A. N., Machado de Jesus, I. T., & Zem-Mascarenhas, S. H. (2017). Informática na Educação em Saúde e Enfermagem: análise dos grupos de pesquisa. J. Health Inform., 9(1), 19-24.

Edelman, L. F., Bresnen, M., Newell, S., Scarbroughw, H., & Swan, J. (2004). The Benefits and Pitfalls of Social Capital: Empirical Evidence from Two Organizations in the United Kingdom. British Journal of Management, 15, S59-S69. DOI: https://doi.org/10.1111/j.1467-8551.2004.00400.x

El País. Protestos contra cortes na educação: “O que o presidente diz é uma ofensa a nós que viemos às ruas”, publicado em 16/05/2019. Available in: brasil.elpais.com/brasil/2019/05/15/politica/1557925930_773928.html. Access on: 22 jun. 2019.

García-Sánchez, P., Díaz-Díaz, N. L., & De Saá-Pérez, P. (2019). Social capital and knowledge sharing in academic research teams. International Review of Administrative Sciences, 85(1), 191-207. DOI: https://doi.org/10.1177/0020852316689140

Gonçalves, A. R. A., & Moreira, N. P. (2018). Desempenho das Universidades Federais Brasileiras no contexto da Política Pública REUNI. Revista Brasileira de Educação e Cultura, 18, 81-100.

Haddad, E. A., Mena-Chalco, J. P., & Sidone, O. (2017). Produção científica e redes de colaboração dos docentes vinculados aos programas de pós-graduação em Economia no Brasil. Estudos Econômicos, 47(4), 617-679. DOI: https://doi.org/10.1590/0101-416147414ejo

Jarrett, J. E. (2019). Methods for Evaluating the Value of Intangible Assets. International Journal of Business and Data Analytics, 1(2), 2019. DOI: https://doi.org/10.1504/IJBDA.2019.104161

Júnior, N. T., & Da Silveira, R. I. M. (2016). Reflexões acerca do melhoramento contínuo da qualidade em serviços de extensão universitária: um estudo de caso em um programa educativo de rádio universitário. Revista Eletrônica Gestão e Serviços, 7(1), 1466-1491. DOI: https://doi.org/10.15603/2177-7284/regs.v7n1p1466-1491

Klann, R. C., Cunha, P. R., Rengel, S., & Scarpin, J. E. (2012). Avaliação de Desempenho das Instituições de Ensino Superior pertencentes à Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe). Contabilidade, Gestão e Governança, 15(3), 71-87.

Leite, D. B. C., Caregnato, C. E., & Miorando, B. S. (2018). Efeitos multiplicadores das redes de colaboração em pesquisa. Um estudo internacional. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, 23(1), 263-286. DOI: https://doi.org/10.1590/s1414-40772018000100014

Leite, A. C. F., & Rocha Neto, I. (2017). Perfil dos bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em Educação. Revista Brasileira de Ensino Superior, 3(4), 97-112. DOI: https://doi.org/10.18256/2447-3944.2017.v3i4.2350

Ligozat, F., Lundqvist, E., & Amade-Escot, C. (2018). Analysing the continuity of teaching and learning in classroom actions: When the joint action framework in didactics meets the pragmatist approach to classroom discourses. European Educational Research Journal, 17(1), 147-169. DOI: https://doi.org/10.1177/1474904117701923

Martínez-Torres M. R. (2014). Identification of intangible assets in knowledge based organizations using concept mapping techniques. R & D Management, 44(1), 42–52. DOI: https://doi.org/10.1111/radm.12037

Martinez, M. G., Zouaghi, F., & Garcia, M. S. (2019). Casting a Wide Net for Innovation: Mediating Effect of R&D Human and Social Capital to Unlock the Value from Alliance Portfolio Diversity. British Journal of Management, 30, 769-790. DOI: https://doi.org/10.1111/1467-8551.12310

Massarani, L.; & Araripe, C. (2019). Aumentar o diálogo com a sociedade é uma questão de sobrevivência para a ciência brasileira. Cadernos de saúde pública, 35(6), 1-3. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00089619

MEC [Ministério da Educação]. O que é o REUNI? Publicada em 25.03.2010. Available in: http://reuni.mec.gov.br/o-que-e-o-reuni. Access on: 11 out. 2019.

Merz, M. A., Zarantonello, L., & Grappi, S. (2018). How valuable are your customers in the brand value co-creation process? The development of a Customer Co-Creation Value (CCCV) scale. Journal of Business Research, 82, 79-89. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jbusres.2017.08.018

Moura, E. G., & Camargo Júnior, K. R. (2017). A crise no financiamento da pesquisa e pós-graduação no Brasil. Cadernos de Saúde Pública, 33(4), 1-3. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00052917

Monteiro, J. Z. O. (2018). O financiamento à infraestrutura de pesquisa e sua relação com a produção científico-acadêmica e a qualificação dos cursos de pós-graduação stricto sensu. Dissertação (Mestrado em Administração Pública apresentado à Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas). Fundação Getúlio Vargas, Rio de Janeiro.

Neiva, E. R., Fussi, C. C., & Corradi, A. A. (2016). Relações entre produtividade acadêmica e redes sociais entre pesquisadores da Ciência Psicológica. Estudos de psicologia (Campinas), 33(1), 83-94. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-02752016000100009

Nunes-Silva, L.; Malacarne, A.; Macedo, R. F.; & De-Bortoli, R. (2019). Generation of intangible assets in higher education institutions. Scientometrics, 121, 957–975. DOI: https://doi.org/10.1007/s11192-019-03226-5

Pereira, J. M. C., Castro, F. N., Lanza, L. N. M., & Lanza, D. C. F. (2016). Panorama de oportunidades para egressos do ensino superior no Brasil: o papel da inovação na criação de novos mercados de trabalho. Ensaio: aval. Pol. Públ. Educ., 24(90), 179-198. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-40362016000100008

Porto, G. S., & Memória, C. V. (2019). Incentivos para inovação tecnológica: um estudo da política pública de renúncia fiscal no Brasil. Revista de Administração Pública, 53(3), 520-541. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-761220170340

Ramos, M. Y. (2018). Internacionalização da pós-graduação no Brasil: lógica e mecanismos. Educação e Pesquisa, 44(e161579), 1-22. DOI: https://doi.org/10.1590/s1517-9702201706161579

Salgado, P. M. (2016). Validez inicial de una escala de medición del capital intelectual en universidades. Univ. Psychol., 15(2), 109-120. DOI: https://doi.org/10.11144/Javeriana.upsy15-2.viem

Santos, R. F., Oliveira, K. F. D., Silva, A. P. D., & Jorge, M. A. (2018). Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2016-2020. Available in: https://ri.ufs.br/bitstream/riufs/7901/2/PDI-UFS%202016-2020.pdf. Access on: 23 abr. 2020.

Sangiorgi, D., & Siboni, B. (2017). The disclosure of intellectual capital in Italian universities: What has been done and what should be done. Journal of Intellectual Capital, 18(2), 354-372. DOI: https://doi.org/10.1108/JIC-09-2016-0088

Sidone, O. J. G. (2013). Análise espacial da produção e das redes de colaboração científica no Brasil: 1990-2010. Dissertação (Mestrado Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade), Universidade de São Paulo, 166p.

Silva, M. P. P., Silva, A. H. C., & Sancovschi, M. (2018). Ativo intangível das empresas brasileiras listadas no mercado de capitais: um estudo comparativo com Estados Unidos, Europa, Austrália e Japão. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ, 23(2), 53-75.

Soares, P. C. (2018). Contradições na pesquisa e pós-graduação no Brasil. Estudos Avançados, 32(92), 289-313. Available. DOI: https://doi.org/10.5935/0103-4014.20180020

Soares, S. R.; & Cunha, M. I. (2017). Qualidade do ensino de graduação: concepções de docentes pesquisadores. Avaliação: Revista da avaliação da educação superior (Campinas), 22(2), 316-331. DOI: https://doi.org/10.1590/s1414-40772017000200003

Teixeira, A. V., Ribeiro, S. S., Araujo, R. C., & Rezende, D. A. (2017). Evaluation of thematic session state planning and Politics of xvi enanpur. Revista Brasileira de Desenvolvimento Regional, 5(1), 183-199. DOI: https://doi.org/10.7867/2317-5443.2017v5n1p183-199

Universidade Federal de Sergipe [UFS]. (2019). Sistema integrado de gestão de atividades acadêmicas. Available in: https://www.sigaa.ufs.br/sigaa/public/home.jsf;jsessionid=D549DC814D6AA6FA4A6C643D231AB1F3.cardeal1. Access on: 23 set. 2019.

Valverde, M. T., Silva, A. N., Perez, D. A., Campolina-Silva, G. H., Medeiros, Z., & Oliveira, C. A. (2017). Enfrentando desafios da formação docente na pós-graduação: descrição de uma experiência. Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação Docente, 9(17), 67-84. DOI: https://doi.org/10.31639/rbpfp.v9i17.152

Downloads

Published

01-11-2021

How to Cite

Nunes-Silva , L. ., Malacarne , A., & De-Bortoli, R. (2021). Indicators To Evaluate Research Efficiency in Higher Education Institutions. International Journal for Innovation Education and Research, 9(11), 49–63. https://doi.org/10.31686/ijier.vol9.iss11.3470

Most read articles by the same author(s)