Study of Organizational Image as Competitive Differential for the Institution of Higher Education

Main Article Content

Fernando de Sousa Santana Samuel Gonçalves Pinto Juliana Rodrigues Pereira

Abstract

This article presents the results of a satisfaction survey carried out with a College located in Ponte Nova/MG-Brazil. The research in question, aimed to verify what are the factors that affect the formation of the image of a school of higher education, the perception of your target audience. Among the multivariate techniques used in this paper we can highlight the principal component analysis (PCA) and factor analysis (FA) aimed mainly to reduce a large amount of data to a smaller set, to convey as much information possible. The results achieved through the analysis of the variables obtained by the survey, can serve as a basis for establishing improvement targets for forming the image of an institution of higher education, because they represent the views of the main public that establishment.

Downloads

Download data is not yet available.

Article Details

How to Cite
Santana, F., Pinto, S., & Pereira, J. (2015). Study of Organizational Image as Competitive Differential for the Institution of Higher Education. International Journal for Innovation Education and Research, 3(10). Retrieved from http://ijier.net/ijier/article/view/456
Section
Articles

References

Almeida, A. L. C., Carrieiri, A., & Fonseca, E. (2004). Imagem organizacional: um estudo de caso sobre a PUC Minas. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Estudos de Interdisciplinares da Comunicação.
Barbosa, M. F. N. (2006). O conceito de qualidade. [Versão eletrônica] Introdução ao marketing para empresa de pequeno porte. Recuperado em 11 abril, 2008, de http://www.eumed.net/libros/2006a/mfnb/1h.htm
Barich, H., & Kotler, P. (1991). A framework for marketing image management. Sloan Management Review, 32, Winter.
Boulding, K. E. (1956). The image. USA: The University of Michigan Press.
Castro, M. C. (1977) A prática da pesquisa. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil.
Cerqueira, W. (1999). Endomarketing, Educação e Cultura para a qualidade. Rio de Janeiro: Qualitymark Editora.
Claro, D. P. (2007). Marketing de relacionamento: conceitos e desafios para o sucesso do negócio. São Paulo. Recuperado em 05 maio, 2008, de http://www.insper.edu.br/sites/default/files/2006_wpe076.pdf
Cooper, R. R., & Schindler, P. S. (2001). Métodos de pesquisa em Administração. 7a ed. Porto Alegre: Bookman.
Davok, D. F. (2001). Mudanças e resistências: a contribuição do PAIUFSC na construção da cultura da avaliação institucional. Florianópolis: CPGA/UFSC. De Sousa Santana, Fernando. A função social das Instituições Particulares de Ensino Suprior no Cenário Educacional Brasileiro. In: Colloquium Humanarum. 2011. p. 09-21.
Etzel, M. J., Walker, B. J., & Stanton, W. J. (2001). Marketing. São Paulo: Makron Books.
Figueiredo, M., & Lara, J. E. (2003). A importância da imagem na estratégia local: um estudo na cidade de Belo Horizonte. Anais ENANPAD.
Figueiredo, S., & Caggiano, P. C. (1997). Controladoria: teoria e prática. 2a ed. São Paulo: Atlas.
Franco, E. (1998). Utopia e realidade: a construção do projeto institucional no ensino superior. Brasília: Universa - UCB.
Grönroos, C. (1995). Marketing - gerenciamento e serviços: a competição por serviços na hora da verdade. Rio de Janeiro: Campus.
Hair, J. F., Tatham, R. L., Anderson, R. E., & Black, W. (2005). Análise Multivariada de Dados. 5a ed. São Paulo: Bookman.
Kazoleas, D., Kim, Y., & Moffitt, M. A. (2001). Institutional image: a case study. [Versão eletrônica] Corporate Comunications: An International Journal, 6 (4), 205-216.
Kotler, P. A. (1998). Administração de marketing: análise, planejamento, implementação e controle. 5a ed. São Paulo: Atlas.
Kotler, P., & Fox, K. F. A. (1994). Marketing estratégico para instituições educacionais. São Paulo: Atlas.
Kunsch, M. M. K. (2003). Planejamento de Relações Públicas na comunicação integrada. 4a ed. São Paulo: Summus.
Maroco, J. (2003). Análise estatística: com a utilização do SPSS. Lisboa: Silabo.
Melo, M. S., & Vieira, P. R. (2003). Imagem corporativa e investimento na preservação do meio ambiente: a nova tendência da agenda estratégica. In Encontro anual da ANPAD, 27. Atibaia: ANPAD.
Mingoti S. A. (2002). Análise de Conglomerados ou de Agrupamentos. Belo Horizonte: Departamento de Estatística da UFMG.
Moreira, M. (1989). Progresso técnico e estrutura de mercados: o caso da indústria de telequipamentos. Rio de Janeiro: BNDS.
Nguyen, N., & Leblanc. G. (2001). Image and reputation of higher education institutions in: sudent's retention decisions. [Versão eletrônica] The international Journal of Education Management Bradfort, 15.
Pinto, M. D. S., Heinzen, J. L. N., & Melo, P. A. (2005). Avaliação como compromisso e instrumento de gestão nas Instituições de Ensino Superior. Rede de avaliação institucional da Educação Superior - Avaliação.
Schuler, M, D. (2003). Imagem de Produto e Comportamento do Consumidor: Explorando o Processo de Formação de Imagens (MKT 1861). Anais ENANPAD.
Siqueira, A. C. B. de. (2005). Marketing empresarial, industrial e de serviços. São Paulo: Saraiva.
Teixeira, M. L. M. (Org.). (2008). Valores humanos e gestão: novas perspectivas. São Paulo: Senac.
Vavra, T. G. (1994). Marketing de relacionamento: after marketing. São Paulo: Atlas.
Vergara, S. C. (2007). Projetos e Relatórios de Pesquisa em Administração. São Paulo: Atlas.
YIN, Robert K. (1994). Case study research. London: Sage.